Outras plataformas:
15/07/2017 | 22:37:13

Inter joga mal, perde para o CRB e segue fora do G-4 da Série B


Foto: Ricardo Duarte

O que Paysandu, Boa e CRB têm em comum? Todos eles venceram o Inter. O calvário colorado na Segunda Divisão teve prosseguimento na tarde deste sábado (15), em mais uma atuação abaixo da crítica, e quando a equipe de Guto Ferreira perdeu por 2 a 0 para o Clube de Regatas Brasil, em Maceió. Com o resultado, o Inter segue fora do G-4 e vê o CRB ultrapassá-lo na tabela. Nesta terça-feira, o Beira-Rio receberá outro ícone da Série B: o Luverdense. Klaus, suspenso, desfalcará o time.


No começo do jogo, até parecia que o Inter estava atuando no Beira-Rio: tamanha a dificuldade para atacar o CRB. Os donos da casa mostravam maior ímpeto ofensivo e o ex-Inter Edson Ratinho chegou a acertar um bonito chute nas mãos de Danilo Fernandes. A primeira boa chance do time de Guto Ferreira surgiu aos 11 minutos, quando Boaventura cortou mal um cruzamento e a bola se ofereceu limpa a Gutiérrez que, quase do bico da pequena área, mandou o chute para Santiago do Chile.


Em um jogo de baixo nível técnico, não demorou para que o CRB voltasse a acossar o Inter. Diego envolveu Winck com facilidade e cruzou na cabeça de Danilo Pires, que desperdiçou o gol. Aos 26, de novo Inter: Nico cruzou na área e Charles desviou de cabeça, mas Koln conseguiu se recuperar e fazer boa defesa.


O Inter não tinha mais a mesma energia demonstrada diante do Ceará. sequer uma jogada trabalhada, vivia a chutões. Aos 44 minutos, o CRB se aproveitou disso. Diego passou para Zé Carlos e, enquanto Edenilson, Klaus e Winck ficavam estaqueados olhando o lance, Zé Carlos devolveu para Diego bater cruzado, em chances para Danilo Fernandes. Foi o primeiro gol de Diego na Segunda Divisão de 2017.


— Estamos muito distante, procurando jogar muito em bola longa para ter essa movimentação e variação — lamentou Pottker, no intervalo.


No segundo tempo, a equipe de Guto Ferreira ao menos teve mais atitude em campo. Mas nada empolgante. Aos 13, foi a vez de Edson Ratinho receber livre, às costas de Uendel e acertou a trave de Danilo Fernandes. O Inter conseguiu transformar Edson Ratinho em um bom jogador. Aos 27 minutos, um dispersivo D'Alessandro foi desarmado por Chico. Ratinho recebeu de novo às costas de Uendel e por pouco não ampliou. Aos 29, Neto Baiano bateu falta rente ao travessão. O jogo era alagoano.


Nos minutos finais, já com Carlos, Cirino e Juan em campo, numa tentativa de obter ao menos um ponto no Rei Pelé, o Inter foi prejudicado pela arbitragem. Edenilson chutou da entrada da área e o zagueiro Adalberto defendeu com a mão direita. Héber Roberto Lopes nada marcou e nenhum jogador colorado se prestou a reclamar. Na sequência, cruzamento para a área do Inter. E, a bola aérea não é o forte desse time. resultado: Boaventura cabeceou sozinho e fez CRB 2 a 0. Com méritos.


Nesta terça-feira, contra o Luverdense, Guto e os jogadores do Inter decidirão se o Beira-Rio voltará a ser um caldeirão ou se seguirá um barril de pólvora na Série B.


Postado por Paulo Marques

Fonte: Radio Gaucha
MAIS NOTÍCIAS
Anuncie em nosso site. Clique aqui!


Rádio Colonial AM - 1460 Khz
Travessa Dr. Bruno Dockhorn, n°18
Centro - Três de Maio/RS
Cep: 98910-000
Fone/Fax: (55) 3535-1022

E-mails
· colonialam@gmail.com
· colonialouvinte@gmail.com (para ouvintes enviarem seus recados)
ENCONTRE-NOS NO FACEBOOK