Outras plataformas:
27/02/2020 | 23:31:23

Sete cidades do RS têm casos suspeitos de coronavírus, diz governo estadual


Dados foram divulgados nesta quinta-feira (27) pela Secretaria Estadual da Saúde, em coletiva de imprensa - Marília Bissigo / SES

Ao menos sete cidades do Rio Grande do Sul têm casos suspeitos para coronavírus, divulgou na tarde desta quinta-feira (27) a Secretaria Estadual da Saúde (SES). A maioria dos casos é em Porto Alegre. Após voltarem de viagem à Europa – a maioria da Itália e uma minoria, da França –, eles manifestaram febre e problemas respiratórios.


Além da Capital, há suspeitas em Canoas, Farroupilha, Montenegro, Palmares do Sul, Passo Fundo e Santa Maria. Todos os pacientes realizaram exames que serão analisados no Laboratório Central do Estado (Lacen/RS). Duas pessoas precisaram ser internadas, mas já foram liberadas, e outras 19 foram direto para isolamento domiciliar.  


— É fundamental que as pessoas tenham calma neste momento. Ainda não sabemos como o vírus vai se comportar no hemisfério sul, que registra temperaturas altas no momento. Estamos aprendendo sobre o vírus em uma emergência mundial — diz Marcelo Jostmeier Vallandro, técnico da Vigilância em Saúde do RS. 


O governo estadual informa que são 21 pessoas suspeitas, número diferente do que havia sido anunciado pelo Ministério da Saúde – a pasta relatou, alguns minutos antes, que 24 pessoas tinham chance de ter coronavírus, e depois confirmou que são mesmo 21.


São classificados como suspeitos de coronavírus os viajantes que apresentam sintomas para coronavírus (febre, problemas respiratórios, diarreia) e que voltaram de um desses 16 países: Alemanha, Austrália, Emirados Árabes Unidos, Filipinas, França, Irã, Itália, Malásia, Japão, Cingapura, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Tailândia, Vienã, Camboja e China.


Para responder ao avanço da doença, o Ministério da Saúde decidiu antecipar a campanha nacional de vacinação contra a gripe, que começaria em abril, mas agora terá início em 23 de março. A vacina não protege contra o coronavírus, mas o governo entende que imunizar os brasileiros contra a gripe reduzirá a busca por atendimento médico de pessoas que acreditem ter coronavírus.


— A antecipação da campanha de vacinação contra a gripe é importante pois ajuda a prevenir a população de doenças semelhantes ao Coronavírus. No momento, o Rio Grande do Sul ainda não tem as doses disponíveis,  mas estamos em contato com o Ministério da Saúde para ajustar o cronograma de distribuição — afirmou a secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann.


Os municípios com suspeitas:


Porto Alegre


Canoas


Farroupilha


Montenegro


Palmares do Sul


Passo Fundo


Santa Maria


Postado por Paulo Marques

Fonte: Ga
MAIS NOTÍCIAS


Rádio Colonial AM - 1460 Khz
Travessa Dr. Bruno Dockhorn, n°18
Centro - Três de Maio/RS
Cep: 98910-000
Fone/Fax: (55) 3535-1022

E-mails
· colonialam@gmail.com
· colonialouvinte@gmail.com (para ouvintes enviarem seus recados)
ENCONTRE-NOS NO FACEBOOK