Ouça agora

MANHÃ SHOW

com ELISIANE LUDWIG

Agricultura

Em assembleia, delegados aprovam plano de pagamento de grãos da Cotrimaio

  • 31/07/2020 - 14:12
Em assembleia, delegados aprovam plano de pagamento de grãos da Cotrimaio

Os delegados das unidades da Cotrimaio aprovaram em assembleia na quarta-feira (29) o modelo do plano de pagamento dos grãos na safra 2019/2020 proposta pela cooperativa. A reunião foi realizada na sede da Associação dos Funcionários da Cotrimaio em Três de Maio com os devidos cuidados sanitários previstos no protocolo definido pela Prefeitura.

Conforme o diretor-geral Pedro Dahmer o passivo está em aberto devido à crise do coronavírus que acabou gerando uma grande mudança no cenário econômico atingindo em cheio a Cotrimaio com a valorização do dólar e consequente disparada na cotação da oleaginosa, que rompeu a marca de R$ 100, ocasionando num desencontro de receitas e despesas.

Dahmer disse que a proposta oficializada no encontro prevê o pagamento da metade dos valores em atraso com os produtores em 2021 e os outros 50% serão quitados em duas modalidades. A diferença é que os associados que vão continuar vendendo as próximas safras e comprando insumos na cooperativa começam a receber em agosto. Já os produtores que não manifestarem mais interesse em negociar com a Cotrimaio vão receber a partir de 2022 de forma escalonada até 2027.

Dahmer lembrou que desde 2013, quando entrou em Processo de Liquidação, a Cotrimaio vinha conseguindo honrar seus compromissos rigorosamente em dia. Porém, neste ano devido ao câmbio houve uma grande corrida por parte dos produtores para fixar o preço futuro em patamares muito acima do projetado inicialmente.

Esse fator causou uma disruptura no fluxo de caixa da cooperativa com aumento acentuado dos valores a receber e estagnação das receitas. Devido a este descompasso na entrada e saída de recursos, a cooperativa foi obrigada a reposicionar todos os pagamentos com alongamento dos prazos. Mesmo com a dificuldade, ele disse que na safra deste ano foram pagos R$ 58 milhões na compra de grãos.

O diretor anunciou ainda que para as próximas safras a Cotrimaio está elaborando um novo modelo de negociação com os produtores que vai garantir o pagamento aos produtores sem risco de novos atrasos:

- Todos os produtores que já começaram a entregar o milho safrinha em julho já receberam em dia e estamos nos reprogramando a safra de trigo com um formato de garantia que o produtor não vai correr nem risco. Pedimos um pouco mais de paciência que, em breve, vamos apresentar esse novo modelo que vai dar um garantira sólida a todos os associados – afirma o executivo.

Fonte: Redação