Ouça agora

MANHÃ SHOW

com ELISIANE LUDWIG

Educação

Aulas presenciais na rede municipal de Três de Maio serão retomadas neste ano

  • 11/11/2020 - 11:09
  • Atualizado 11/11/2020 - 12:44
Aulas presenciais na rede municipal de Três de Maio serão retomadas neste ano

Juntamente com as orientações do Centro Municipal de Operações de Emergência em Saúde para a Educação (COE), a Secretaria Municipal da Educação de Três de Maio decidiu elaborar um calendário para a retomada das as aulas presenciais devem ainda neste ano. A decisão se deve a necessidade de não se esperar para reiniciar as aulas somente em 2021 tendo em vista que não há garantia que haverá vacinação em massa contra a Covid-19.

Conforme a secretária da Educação, Tânia Georgi, o retorno será gradual e escalonado, devendo começar pela Educação Infantil 1, 4 e 6 e primeiro, quinto e nono ano do Ensino Fundamental. A data da volta às salas de aula ainda não está definida, mas o calendário que está sendo planejado é dia 23 de novembro.

Ela explica que a decisão de permitir ou não o retorno dos estudantes às escolas municipais caberá aos pais ou responsáveis. Aqueles que optarem por continuar em casa permanecerão tendo atividades por meio da Internet sem qualquer prejuízo na qualidade da educação.

Conforme Tânia, embora a maioria dos pais e responsáveis por alunos ainda seja contra o retorno das aulas presenciais, um número significativo deles passou a ser favorável a ideia de mandar os filhos para à escola em razão de ter um lugar seguro para deixar os filhos enquanto trabalham.

A secretária disse que todas as escolas municipais já receberam os Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s). Nos próximos dias as direções e equipes de serviços gerais farão a higienização, limpeza e adequações físicas de acordo com os protocolos sanitários em vigor. Na próxima semana será feito um trabalho de preparação com as cozinheiras e merendeiras e o setor administrativo.

Os professores também receberão a devida capacitação para receber os alunos.

- O retorno será seguro e escalonado. As salas de aula terão capacidade limitada para garantirmos o distanciamento entre os estudantes e professores. Precisamos fazer este ensaio de volta às aulas presenciais para não demorarmos ainda mais em 2021 - afirma Tânia.

Segundo Tânia, os alunos com maior dificuldade de aprendizado já estão recebendo atendimento presencial individualizado.

A secretária reconhece que com o retorno às escolas podem surgir casos de Covid-19 entre alunos e professores e seus familiares, mas ela lembra que isso pode acontecer em qualquer lugar, como na rua, no trabalho ou no supermercado.

Fonte: Redação