Ouça agora

ALVORADA MUSICAL

com PAULO MARQUES - Jornalista Reg. Prof. MTE-16408

Geral

Atleta de Três de Maio é campeã mundial de Muay Thai

Atleta de Três de Maio é campeã mundial de Muay Thai
  • 15/03/2024 - 14:31
  • Atualizado 15/03/2024 - 20:00

A lutadora Ana Carine Bento, 29 anos, conquistou medalha de ouro no campeonato mundial de Muay Thai da WMO (World Muay Thai Organization), que está sendo realizado na Tailândia. Ana mora em Porto Alegre, mas é natural de Três de Maio, onde viveu até os 18 anos de idade. 

Em entrevista a Rádio Colonial nesta sexta-feira (15/03), ela contou que se mudou para a capital do Estado em busca de oportunidades de crescimento profissional. Boa parte dos familiares, inclusive a mãe e um irmão dela, ainda residem em Três de Maio. 

Ana contou que começou a praticar Muay Thai por influência do marido, que é instrutor em uma academia de Porto Alegre. Ela buscava uma atividade física para lidar com a ansiedade durante a pandemia de Covid-19 e começou a praticar a modalidade. 

A partir daí decidiu disputar competições, tendo conquistado em 2023 o campeonato gaúcho e, na sequência, o brasileiro. Aí, surgiu a oportunidade de disputar o mundial. Na Tailândia ela enfrentou na decisão do primeiro lugar da categoria 50 quilos uma lutadora da Nova Zelância. Segundo Ana Carine, a luta foi difícil devido a capacidade de resistência da adversária, que continuou lutando mesmo com o supercílio aberto.

Segundo ela, o Muay Thai é uma arte marcial tailandesa. Também conhecido como boxe tailandês, a arte marcial é chamada de “luta das oito armas”, em referência às partes do corpo responsáveis pelos golpes - dois cotovelos, dois punhos, dois joelhos e a combinação de canelas e pés.

- Muitas pessoas estão me conhecendo agora e vendo apenas o glamour do título mundial. Mas é preciso que saibam que enfrentei muitos desafios para chegar até aqui - destaca Ana Carine.

Qual é a origem do Muay Thai?

O esporte tem mais de 2000 anos de idade. Há algumas versões sobre a origem do esporte. Mas há uma mais aceita pela maioria dos Mestres, defendida por vários historiadores do País — e até mesmo pela Confederação Brasileira de Muay Thai (CBMT).

Os tailandeses migraram da China para o território geográfico da Tailândia em busca de liberdade e de terras férteis para agricultura. Durante esse processo, os tailandeses foram constantemente hostilizados e sofreram com muitos ataques e doenças.

Então, a forma que encontraram de se proteger foi criando um método de luta chamado “Chupasart”. Era uma forma de autodefesa, mas que, no início, usava espadas, facas, lanças, bastões, escudos, machados, arco e flecha, entre outros. Mas com o tempo, ele foi modificando e transformou-se no estilo de luta que é hoje.