Ouça agora

RADAR 94 - PAULO MARQUES E ALEXANDRE DE SOUZA

com PAULO MARQUES

Cultura

Documentário que conta a história de Noel Guarany estreia nesta sexta-feira

?Minhas Andanças? traz relatos de pessoas que conviveram com um dos principais nomes da música missioneira

  • 22/07/2021 - 12:41
Documentário que conta a história de Noel Guarany estreia nesta sexta-feira
Divulgação/Minhas Andanças

Estreia nesta sexta-feira, 23, às 20h, na internet, o documentário “Minhas Andanças”, que conta a história do Tronco Missioneiro Noel Guarany. O vídeo, de 50 minutos, reúne depoimentos, documentos e imagens que ajudam a ilustrar a trajetória artística de um dos principais nomes da música missioneira.

O projeto teve início a partir de uma dissertação de mestrado do músico e historiador David Cunha, um admirador de Noel, que vive em Porto Alegre. Em entrevista para a São Luiz, David contou que sempre teve apreço pelo artista e que quando foi escolher o tema do trabalho decidiu reunir as duas paixões: a história e a música.

A ideia do documentário veio logo em seguida e contou com a parceria do amigo Tiago Rodrigues, que é o diretor do filme. Somam-se à equipe o produtor Leonardo Gadea e o assessor de imprensa Mauricio Macedo, os quais ajudaram na formatação deste trabalho de pesquisa. A filha caçula de Noel, Laura Guarany, também teve participação importante.

O documentário reúne entrevistas da viúva Neidi Fabricio, a qual deu acesso a um amplo acervo de reportagens sobre o músico; depoimentos do letrista João Sampaio (um dos parceiros artísticos), de Jorge Guedes, do ex-governador Olívio Dutra, entre outros.

Noel “sempre foi rebelde, cantava contestando, opinando e não só para agradar”, avalia David. Essa identidade de um “cidadão que se posicionava, que tinha visão social da arte, de um gaúcho sem fronteiras” dão o tom do documentário.

A live será pelo canal Gadea Produções, às 20h, mas antes, às 19h, o grupo que construiu o documentário já estará reunido para falar sobre o filme. Para acompanhar a transmissão acesse este link ou a página no Facebook Minhas Andanças, que também traz mais histórias sobre o documentário, que no futuro deve se transformar em livro.

Postado por Paulo Marques

Fonte: Rádio São Luiz